Instituto Superior Técnico

Área Académica

Pedido de Equivalências

Na sequência de um processo de ingresso num curso do Técnico Lisboa por mudança de par instituição/curso, reingresso ou concurso especial de acesso, e previamente à inscrição do aluno, deverá ser requerido um plano de equivalências.

Caso o aluno pretenda solicitar um plano de equivalências deve considerar os seguintes procedimentos:

Impressão do Plano Curricular (extraído do Fénix) Certificado de Aproveitamento com disciplinas discriminadas Programa e Carga Horária das disciplinas autenticadas pelo Estabelecimento de Ensino Emissor

  1. As equivalências poderão ser feitas com atribuição de classificação ou apenas considerando a atribuição dos créditos ECTS correspondentes.
  2. As equivalências poderão ser atribuídas por grupos de unidades curriculares.
  3. No âmbito de cursos de 2° ciclo, em caso algum poderão ser dadas equivalências à unidade curricular de Dissertação.
  4. A não apresentação de pedido de plano de equivalências por parte do aluno implica que o aluno tenha de obter aprovação em todas as unidades curriculares do plano de estudos do curso.
  5. Deve ser preenchido e entregue o seguinte formulário no ato da matrícula e inscrição no Técnico Lisboa ou no ato de inscrição em novo curso do Técnico Lisboa, por alunos previamente matriculados no Técnico Lisboa.
  6. Caberá ao aluno a responsabilidade de disponibilizar a documentação necessária à apreciação do seu pedido (Certificado de Aproveitamento com disciplinas discriminadas, Programa e Carga Horária das disciplinas autenticadas pelo Estabelecimento de Ensino Emissor), incluindo a que lhe for solicitada no decurso do respetivo processo de apreciação.
  7. Pelo pedido de equivalências são devidos emolumentos (por unidade curricular) conforme informação disponível na tabela de emolumentos do Técnico Lisboa.